quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Amor é sempre amor...

Já não sei ao certo se quero ou se sufoco.

Se ando,se manco,se caio de vez ou conto até três.

O que lá deixei,eu não sei e nem relutei.

Malícia do acaso ou de um passo dado

que,bem ou mal saiu do meu quintal e 

agora requer toda a emergência  e 

inteligência do mais emergente,

contável e notável amor.
                              
                   Milena Jane Maluf

my blogs

Follow by Email

Postagens populares

Postagens populares