quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Um toque de poesia by Milena Jane Maluf: Mesmo se eu acordar...

Um toque de poesia by Milena Jane Maluf: Mesmo se eu acordar...: Minha maré, meu amor ,meu  pois é! Vivo entre amores e truques e sei que mesmo se eu acordar, continuarei neste sonho e sinto que já ...

Mesmo se eu acordar...

Minha maré, meu amor ,meu  pois é!

Vivo entre amores e truques e sei que

mesmo se eu acordar, continuarei neste sonho

e sinto que já é hora de parar e viver a vida

para sonhar um pouco mais...

          Milena Jane Maluf

                       Milena Jane Maluf

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

As estrelas e o mar...

Hoje estou disposta a ver o mar,

as estrelas, o  luar...

Amanhã talvez, eu contente-me com

o breve canto dos pássaros...

E pode ser que,

com ou sem você,

eu queira voltar a viver!

                Milena Jane Maluf

domingo, 23 de outubro de 2016

Nada mais eu vejo...

Nada mais eu vejo...

Nada mais eu planejo...

Mas por uma coisa eu almejo:

almejo apenas pelo teu beijo...

      Milena Jane Maluf

Nada mais eu vejo...

Nada mais eu vejo...
Nada mais eu planejo...
Mas por uma coisa eu almejo:
almejo apenas pelo teu beijo...

      Milena Jane Maluf

quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Babaquices de uma noite sem estrelas

Já saí,
Já me diverti...
Já chorei,
Já amei,
Já fui à escola.
e lá vi que nada mais importa...

Já queimei...
Questionei...
Orei...
livrei-me...
Pensei...

Corro riscos,
perpetuo meus abismos e noto
que  há horas que falta-me o chão
até que eu acorde e saia desta indecisão.

                     Milena Jane Maluf

Babaquices de uma noite sem estrelas

Já saí,
Já me diverti...
Já chorei,
Já amei,
Já fui à escola
e lá vi que nada mais importa.

Já queimei...
Questionei...
Orei...
me livrei...
Pensei...

Corro riscos,
perpetuo meus abismos e noto
que  há horas que falta-me o chão
até que eu acorde e saia desta indecisão.

                     Milena Jane Maluf

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Pensamentos...

Não sei ao certo se escrevo 

ao meu coração mas sei

apenas que escrevo 

com paixão!

                          Milena Jane Maluf

domingo, 11 de setembro de 2016

Doideira...

Doideira é aquele sentimento

profundo que nos deixa lá no fundo.

                   Milena Jane Maluf

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Qual o sentido do amor?

Se tudo fosse perfeito e

nada fosse confuso,

qual seria o sentido do amor?

Seria tudo um absurdo ou 

tudo tornaria-se nulo?

                        Milena Jane Maluf

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Amor é amor...


Não é por bem ou por mal.

Não é súbito nem banal.

Pode ser por puro instinto

ou poderia ser um rito ou um jogo

mergulhado em diferentes tipos e estilos.

Não é para comparar ou tão menos diferenciar.

Na real,o amor de verdade é incomparável

e inelegível.

O amor de verdade é amor e ponto final.

                Milena Jane Maluf


segunda-feira, 18 de julho de 2016

Poesia da madrugada...

Leio,
penso,
repenso.
Releio,
reposiciono.
Um canto,
um engano.
Um X,
um bis.
Na saudade,
um abraço
Um coração,
para toda esta paixão...
Um momento.
Um beijo...
                 Milena Jane Maluf


sábado, 9 de julho de 2016

Até o fim dos tempos

Perco-me na infinidade do tempo

e se este for demasiadamente lento,

o amor pode ficar em silêncio,


até o fim dos tempos...

                                     Milena Jane Maluf


                                        

quarta-feira, 6 de julho de 2016

Amor X sentimento

O amor faz valer tudo aquilo tudo aquilo que sentimos...

                           Milena Jane Maluf

sexta-feira, 17 de junho de 2016

Trilhas e rimas...

Minhas trilhas e milhas que 

confundem-se em rimas, 

apenas a trilhar o caminho do sol

e de toda uma vida que 

em  que algum dia.

transformou em todo aquele amor 

numa linda flor...

                    Milena Jane Maluf

sexta-feira, 3 de junho de 2016

Minhas trilhas...

Meu sítio
meu lírio

Minha alma sincera...
De flores e botões....
De alma  e corações...

Minha esfera...
Minha espera a luz de velas...

                            Milena Jane Maluf


quinta-feira, 26 de maio de 2016

Meus caminhos já nem sei mais...

Meus caminhos 
já nem sei mais.

Dou voltas em torno de mim
a procurar primícias e afetos...

Ando para frente a procurar
por um amor e a enfrentar batalhas
que distorcem  todo o meu destino...

Com meus sonhos e delírios,
busquei amores e os autores 
do meu coração,a procurar 
respostas já expostas 
em minha mente
e bem lá,
no íntimo do coração.

Ganhei em buscas e perdi-me em lamúrias.
Senti frio e jamais desisti do meu amor.Enfim,
meu amor é assim...


                     Milena Jane Maluf



sexta-feira, 20 de maio de 2016

Meu amor não tem correntes

Meu amor não tem correntes

e portanto não me prende

e quando se ascende, 

nosso amor fica reluzente 


ao notar que sempre estivera presente.

                           Milena Jane Maluf

terça-feira, 12 de abril de 2016

Como amar o amor?

O que pensar ? 
O que sonhar ?
O que ler ? 
O que adorar?
Amar o amor que,
absurdamente 
fora guardado e sonhado...

Do quê viver?
Para quem falar?
Para quem olhar?
Viver ou sentir o ar?
O quê pensar?
Como agir?
Como sentir?
Como falar?
Como amar?

                                      Milena Jane Maluf
                            

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Será...

Será que meu coração tem a quem pulsar?

Será que ainda sou capaz de escrever rimas

para amar?

Será que no girassol da vida e do amor,

ainda encontrarei meu sol?

Será que terei de deixar minha janela aberta

ou será que terei de fechar as portas e ficar a 

sonhar?

                                Milena Luf


quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Encontrei-me

Encontrei meu sonho

Encontrei a paz

Encontrei a vida

e contudo encontrei-me.

                                        Milena Luf

my blogs

Follow by Email

Postagens populares

Postagens populares