Tempos alentos...

Recriei o amor dos tempos e dos ventos.

Recriei o sentimento com a brisa e 

descartei as feridas.

Não sei nem ao menos do tempo...

E o quê seria do tempo nestes tempos alentos?

                                  Milena Luf

Postagens mais visitadas deste blog

Mesmo se eu acordar...

Já não sei mais..