sábado, 28 de julho de 2012

Contemplar & Amar...

Amar é o simples ventar de
uma noite com luar e 
com estrelas a guiar
o dia a clarear...


Amar é fogo.
Amar é um jogo.
Amar é a magia da
mais pura alegria.


Amar é ter a certeza 
de contemplar a lua 
a imaginar o mais infinito olhar.

                 Milena Jane Maluf//

quarta-feira, 25 de julho de 2012

Grandes poesias de amor...

Todas as noites,ao dormir penso em ti e no universo a esperar...
Sonho com o céu a estrelar e a noite se acalmar...
Viro e me reviro-me de um lado para o outro a imaginar a força do teu olhar
e assim,sinto minha vida passar e as noites a estrelar...
No céu, o condor de nosso amor,alimenta toda esfera de um apego sem feras,
a voltar numa noite de luar...
                                                                                                   Milena Jane Maluf
                                           

terça-feira, 24 de julho de 2012

O verdadeiro amor ...

Se tenho inspiração a esta altura dos fatos,eu não sei.
Já não tenho mais certeza pois os farrapos 
ainda machucam-me a alma , porém lembranças
acalmam-me o coração.
Lembranças que contêm razão,outras não...
Amores vêm,amores que vão..
com leis do amor que ama
e que jamais se engana....
                                                                               Milena Jane Maluf

sábado, 21 de julho de 2012

Minha mãe e eu!


Eu & Mamis
amor eterno

Amor e sutileza...

No canto sublime do amor é por onde me chamas...
Na sutileza da paixão é por onde consegues que eu cante também...
Nas belas palavras que disseste,demonstro-me em carinhos.
No canto de minha alma,rendo-me ao simples anseio de encontrar-te...
                                               
                                                                                              Milena Jane Maluf

Quero te encontrar...

Ah,seu eu pudesse um dia ,
traria-te para minha vida,
afim de participar-te de
minha sina e encontrar-te
na esquina para participares 
de minha sina...
                                  Milena Jane Maluf

Caminhar...

A suavidade das horas faz com que o tempo arraste-se
 e faz com que cada minuto passe mais devagar...
                                  Milena Jane Maluf

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Poema ao amor

Fatos,boatos,meiguices,contatos... 
Num beco sem antefatos mas com 
merecidos abraços que com muito tato,
formou-se um laço.

Coragem pela linhagem do amor,
pela linha da paixão 
quando chego a conclusão deste 
amor sem razão.

Baila o sentimento
mas não a razão,e 
com tudo isto vivamos
vivamos de paixão...
                                Milena Jane Maluf

O amor e a simetria

Perfeita sintonia era
nossa simetria.
Quem diria que 
chegaria um dia que toda
nossa sina , porventura
lembraria o dia de nossa alegria!?
                                    Milena Jane Maluf

terça-feira, 17 de julho de 2012

Amor e poesia: Pensar e amar...

Amor e poesia: Pensar e amar...: Pensar e amar para o que restar? Noites e noites  a viver a aventura  de refletir e sonhar de ver e viver, de refletir e dormir...  ...

Pensar e amar...

Pensar e amar
para o que restar?
Noites e noites 
a viver a aventura 
de refletir e sonhar
de ver e viver,
de refletir e dormir...
             
                             Milena Jane Maluf

Amor e poesia: Sentimentos inconstantes...

Amor e poesia: Sentimentos inconstantes...: Se pelos olhos é possível enxergar a alma, quem garante que um coração já não ousa de artifícios ou sombras que revelam os segredos...

Sentimentos inconstantes...

Se pelos olhos é possível enxergar a alma,

quem garante que um coração já não usa de

artifícios ou sombras que revelam os segredos

e as artimanhas do sentimento mais profundo 

e intrigante,mais sincero e  falante,

lindo e inconstante?
                                                                          Milena Luf

segunda-feira, 16 de julho de 2012

Fatos,lendas e legendas

Se eu não perdesse tanto tempo,
mesmo se tivesse armas brancas 
e o sol ofuscasse a lua ou as estrelas
e as noites fossem claras e a escuridão
tornasse o amor mais vigente,
será que a lua seria transparente?

Será que o destino não seria tão temido
se horizonte ficasse ou calasse...

Será que terá ondas ou apenas 
lendas e legendas?

Fatos que corroem e
outros que constroem
os sonhos,a vida,o amor...
                                   Milena Jane Maluf//

sábado, 14 de julho de 2012

A felicidade

Encontrei-te numa  garagem!
Por que será que não foi numa viajem ou
Numa estrada engarrafada
com roseiras amontoadas?

Por não querer mais lágrimas,
sinto que fui autuada para não mais
viver de sombras ou quaisquer lembranças
boas ou más,de trancos e barrancos,
de ganhos ou danos.


Com ledos enganos,
doei- me me tanto
que o pranto foi demais
por situações banais 
ou de amores fatais.
                                         

Amor e poesia: Reflexões...

Amor e poesia: Reflexões...: Fatos tribais ou meramente banais, ou que jamais fizeram parte do  contexto de todo o ser, ou podem encaixar-se em distintas direções que...

Amor e sentimento...

Ser ou não ser?
Ir ou não ficar?
Morrer ou esquecer?
Sentir ou amar?

Ficar por um
vasto tempo
ao relento...
Colar ou secar
apenas para intimidar?

Sentir calor.
Sentir frio
como num lugar sombrio...

Ter o céu,
ter as ondas e o mar.... 


Ter a mais breve certeza
da clareza das estrelas
e da claridade do tempo 
que o amor ficou ao relento..


Com noites claras 
ou dias escuros,
o amor sobreviveu a tudo.


Sobrevivera a chuvas,
tempestades ,temporais...


Mesmo só,o amor não feriu-se
e nem partiu-se.


O amor inflamou e 
dedicou todo seu tempo
ao mais rico sentimento...
                                            Milena Jane Maluf

quinta-feira, 12 de julho de 2012

quarta-feira, 11 de julho de 2012

IMPRESSÕES & DIGITAIS: Impressão de tempo

IMPRESSÕES & DIGITAIS: Impressão de tempo: E a vida passa. Rapidamente e cada vez mais. Mas com a boa poesia passa mais docemente. Boas impressões sempre Passa. Tudo neste c...

Reflexões...

Fatos tribais ou meramente banais, ou que jamais fizeram parte do 
contexto de todo o ser, ou podem encaixar-se em distintas direções
que podem agregar-se em réguas e palavras e que a todo momento 
insistem em aludir o coração e os sentimentos.


                                                                                            Milena Jane Maluf

domingo, 8 de julho de 2012

Poemas do coração

Hoje eu queria que tudo terminasse bem
ou mesmo tudo o que me convém.
Dar algums passos,mistificar meus lados,
trazer a vontade de esquecer...


Imaginar,criar,amar,rumar...
Mas sem fantasiar,a sentir, apenas a caminhar...


Redescobrir,sonhar acordado,
ter em mente o que é certo e
o que é errado para distrair
o cansaço e sonhar com seu abraço.
                                                           Milena Jane Maluf

sábado, 7 de julho de 2012

Apenas o amor...

Para onde vou não sei
Sei que não hei de perder-me
ou achar-me em distrações
ou veredas que já nem importam 
mais,mesmo com aromas fatais.


Sem rumo,sem destino,
sem eira, nem beira
sem ar,sem bar,sem lar...


Com todas as vestes,
com todos os palcos,
com beijos e abraços.


Sem hora para não ir embora,
pois chove lá fora e aqui o 
desejo me devora...


Ritos ,magias já perderam a
importância,o rumo ou a ganância
ou qualquer outra ânsia.


Desejos tornam-se líricos,
o poder transforma-se em palavras,
Versos em estruturas da alma e
o amor torna-se bem-aventurado,
envolvente e místico...
                                                             Milena Jane Maluf

Mais uma frasezinha...

Não quero viver de sonhos a vida inteira.
Não por não gostar de sonhar,mas por amar
a vida. É muito bom e faz bem à 
alma,à vida e é imprescindível à 
felicidade! 
                                  Milena Jane Maluf

quinta-feira, 5 de julho de 2012


mais uma postagem de amor...

Se o sol raiar e lua ofuscar,

se a luz do lua vier a ceder,

se os caminhos mais desertos 

derem sequencia a toda a busca da alma 

e guiarem meus passos  em rítimo

acolhedor e sincero em busca do amor eterno,

encontrarei toda a  magia do amor sincero.
                                                                                                    Milena Jane Maluf

poemas...

Acabaram-se a ideias,
o rito,o beleza...
Acabou até o brilho 
mais charmoso e esplendoroso amor
mais sincero ao que pensava-se...
Terno nem tão materno e contudo
tornou-se eterno...
                                          Milena Jane Maluf

quarta-feira, 4 de julho de 2012


Poesia...

Se o mundo esconder-se 
e a alma calar-se,
quando o mundo parecer 
escuro demais,
ou mesmo quando 
parecer que as coisas
estão resolvidas ou 
tecnicamente solucionadas,
é porque não chegou nem no começo
e tudo foi uma simples prévia...
      Milena Luf

my blogs

Follow by Email

Postagens populares

Postagens populares